BUSCA

Links Patrocinados



Buscar por Autor
   A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z


Cada minuto
()

Publicidade
Arquivo - CadaMinuto
Amaro de Barros Lima, 59 anos, foi peso, na manhã de hoje, nas dependências da Agência da Previdência Social em Porto Calvo, ao tentar atualizar cadastro para obtenção de empréstimo junto à rede bancária, se fazendo passar pelo sogro Edmundo Amércio da Silva, falecido há 11 anos.
Ao realizar o atendimento, uma servidora da agência observou que Lima não poderia ser o mesmo dos documentos apresentados, pois era muito novo para ter 82 anos. Desconfiada, ela acionou a Polícia que efetuou a pisão. Lima será transferido na tarde de hoje para Maceió onde será interrogado pela Polícia Federal.
Segundo informações do gerente da agência José Veronildo de Barros, a servidora percebeu com facilidade identificar a fraude. Amaro confessou que era procurador do sogro e desde a sua morte, se fazia passar por ele para receber a sua aposentadoria de um salário mínimo, porque estava desempregado e precisava sustentar a família.



Resumos Relacionados


- Mais “gato” No Futebol?

- Aposentadoria- Como Calcular O Tempo De Serviço

- Folha De SÃo Paulo - Folhaonline

- Empregado Doméstico E Previdência Ii

- A República, Os Intelectuais, O Jornalismo E A Literatura Militante De Lima Barreto



Passei.com.br | Portal da Programação | Biografias

FACEBOOK


PUBLICIDADE




encyclopedia