BUSCA

Links Patrocinados



Buscar por Autor
   A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z


É hora de estancar a sangria
(Gilberto Pessoa)

Publicidade
É hora de estancar a sangria
 
No dia 3 de outubro o eleitor brasileiro terá oportunidade de estancar a sangria do dinheiro público, da falta de ética e do autoritarismo do presidencialismo republicano sindicalista imposto pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva.
A possível eleição da pré-candidata oficial Dilma Rousseff à presidência da república indica a implantação da ordem exacerbada conforme o entendimento da massa sindicalista que tomou conta do País.
Nossa análise é sem qualquer espécie partidária, legendária dos fanáticos políticos. Achamos, até, que o presidente Lula foi além do que podia ter feito. Na verdade ele surpreende não pelo que faz ou fala, mas pela sorte de ter tido a sensibilidade em dar continuidade a um trabalho previamente elaborado e, também por ter tido a inteligência de não ouvir outras pessoas a não ser propriamente ao seu instinto de líder. Está mostrado que a era Lula é e foi um fenômeno climático ou semelhança.
Agora entendemos que chegou a hora de colocar os pés no chão e conduzir o País ao rumo que lhe é designado pela sua situação geográfica, cultural, lingüística e miscigenada.
O cidadão José Serra mostrou até ontem (dia do lançamento de sua pré-candidatura) à sucessão do Palácio do Planalto, que é uma pessoa de ordem, obediente aos trâmites da Lei e do bem comum. Várias foram as tentativas – inclusive do seu partido – de antecipação do lançamento do seu nome para concorrer às eleições de outubro. Ele não aceitou a tentação e demonstrou saber escolher o momento certo e consciente para aplicar e cumprir a lei.
Quanto ao futuro do Brasil e dos brasileiros nos resta que os tribunais eleitorais cumpram o seu papel contra os corruptos candidatos e os candidatos corruptos porque o eleitor é uma presa fácil, por enquanto.
O sangue do trabalhador brasileiro não pode mais ser canalizado em forma de verba pública rumo aos paraísos fiscais ou coisa semelhante.



Resumos Relacionados


- Meio Norte

- Dilma: O Futuro

- Discurso De Dilma Roussef

- Análise Do Livro Lula Do Brasil

- Um Briefing Sobre Dilma Rousseff E José Serra.



Passei.com.br | Portal da Programação | Biografias

FACEBOOK


PUBLICIDADE




encyclopedia