BUSCA

Links Patrocinados



Buscar por Autor
   A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z


Na Colômbia, menino caminha 70 km para pedir que guerrilheiros
(AFPAFP)

Publicidade
Na Colômbia, menino caminha 70 km para pedir que guerrilheiros libertem pai

O garoto e cerca de 60 familiares fizeram a caminhada pela libertação

O menino colombiano Johan Martínez, de 12 anos, caminhou 70 quilômetros neste sábado (3) para pedir a libertação de seu pai, o sargento do exército Libio Martínez, o refém mais antigo da guerrilha das Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia) e que foi sequestrado antes de seu filho nascer.

- Papai querido: hoje terminei uma caminhada para pedir à Virgem Maria que te ajude a voltar logo para casa para que fiquemos juntos - disse o menino ao terminar a travessia na localidade de Ancuya, a 850 km ao sudoeste de Bogotá, onde era realizada uma festa religiosa.

O menino e cerca de 60 familiares e amigos saíram na sexta-feira (2) da cidade de Pasto, capital do departamento (Estado) de Nariño (fronteira com o Equador), até o povoado de Ancuya, na segunda caminhada que a criança realiza desde o início de 2009 para pedir a libertação de seu pai.

Os participantes da caravana assistiram a uma cerimônia religiosa no santuário da Virgem da Visitação, em Ancuya, onde pediram que o sargento Martínez voltasse logo para casa.

O militar caiu em poder dos guerrilheiros das Farc em dezembro de 1997, depois de um ataque rebelde contra uma base do Exército destacada em uma montanha de Nariño, três meses antes de seu filho Johan Martínez nascer.

Libio Martínez, prestes a completar 34 anos, tornou-se o refém mais antigo das Farc, depois da libertação em março passado do sargento Pablo Moncayo, sequestrado com ele e outros militares - já libertados - em dezembro de 1997 na montanha de Patascoy, em Nariño.

O grupo guerrilheiro tem em seu poder em torno de 20 membros das forças públicas, sequestrados em diversas operações nos últimos anos, os quais pretende trocar por 500 insurgentes presos, apesar de o governo rejeitar essa proposta.



Resumos Relacionados


- Folha De Sao Paolo

- O Globo

- G1 Noticias

- Aumenta TensÃo Entre ColÔmbia E Venezuela

- Ingrid Betancourt



Passei.com.br | Portal da Programação | Biografias

FACEBOOK


PUBLICIDADE




encyclopedia