BUSCA

Links Patrocinados



Buscar por Autor
   A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z


Iniciação À Administração Geral
(Idalberto Chiavenato)

Publicidade
A palavra Administração vem do latim, ad (junto de) e ministratio (prestação de serviço) e significa a ação de prestar serviço ou ajuda. Modernamente, administração representa todas as atividades relacionadas com o planejamento, organização, direção e controle. Sejam elas empresariais, governamentais, institucionais, domésticas, etc. A moderna administração surgiu no início do século XVIII, quando os engenheiros Taylor (focado na organização das tarefas dos operários, e Fayol (focado na estrutura organizacional). Suas teorias (administração científica, e Clássica respectivamente), dominaram as cinco primeiras décadas do século passado e exercem forte influência no panorama administrativo até hoje, entranhadas nas novas teorias como: das relações humanas; estruturalista; de sistemas; e da contingência.
Os dois objetivos principais da administração são proporcionar eficiência e eficácia às empresas.
EFICIÊNCIA = Fazer as coisas corretamente. Preocupação com os meios.
EFICÁCIA = Alcançar resultados. Preocupação com os fins ou objetivos.
Para os economistas, as empresas visam à produção de alguma coisa mediante a reunião de três fatores de produção, a saber: a natureza, o capital e o trabalho ? os chamados recursos empresariais ou meios pelos quais a empresa procura realizar suas atividades para atingir seus objetivos. Esses recursos são: materiais; financeiros; humanos; mercadológicos e administrativos.
As Funções Administrativas = planejamento, Organização, Direção e Controle constituem o processo administrativo, Vejamos cada um deles.
a. Planejamento: significa visualizar o futuro e traçar os objetivos, programas e planos de ação. Na realidade, o planejamento é um fato muito comum em nossas vidas. A todo momento estamos planejando nosso comportamento em relação a certos objetivos. Quando pretendemos ir a algum lugar, planejamos antecipadamente qual o melhor percurso a ser percorrido. Qualquer viagem envolve algum planejamento. As donas de casa planejam constantemente seu dia-a-dia, as refeições da família etc. Assim, o planejamento é uma decorrência natural do comportamento das pessoas. Nas empresas, o planejamento é uma necessidade imperiosa: uma vez definido algum objetivo, o planejamento constitui a melhor maneira de chegar lá.Um planejamento eficaz depende de um bom diagnóstico da situação e de um prognóstico a partir das informações diagnosticadas.
b. Organização: Significa constituir o organismo social e material da empresa. Normalmente em nossos lares, temos cada coisa no seu devido lugar, seja na sala, na cozinha, em cada quarto: tudo é organizado de uma maneira lógica e racional para que todas as coisas sejam utilizadas da melhor maneira. Também nas empresas, as pessoas, os equipamentos e recursos empresariais, devem ser alocados e arranjados de maneira lógica e racional, para que as atividades sejam executadas da melhor maneira possível.
c. Direção: Significa conduzir e orientar o pessoal. Simultânea aos trabalhos de planejamento e organização, é considerada como a essência do trabalho do bom administrador. De nada adianta um bom planejamento e uma boa organização se as pessoas trabalham sem orientação e coordenação adequadas. Os meios de direção são: a emissão de ordens; instruções; comunicação; motivação; liderança e coordenação.
d. Controle: significa verificar se o que foi planejado e organizado está sendo, de fato, executado conforme o planejado e organizado. Consiste em medir e corrigir o desempenho dos subordinados para assegurar que os objetivos da empresa sejam atingidos, identificar os possíveis erros ou desvios, a fim de corrigi-los e evitar a sua repetição. O controle é um processo cíclico e repetitivo composto de quatro etapas a saber: estabelecimento de padrões; avaliação do desempenho; comparação do desempenho com o padrão estabelecido e ação corretiva. À medida que o processo se repete, o controle permite um gradativo aperfeiçoamento, ou, em outros termos, uma gradativa aprendizagem do sistema, que corrige seus erros e melhora seu desempenho. Seguindo esses processos e procedimentos o administrador multiplica suas chances de sucesso em qualquer empreendimento.



Resumos Relacionados


- Planejamento Mercadologico

- Dicas Para Um Empreendedor De Sucesso

- Partes Do Planejamento Estratégico

- Processo De Administração

- Artigo: OrÇamento E Plano De AÇÃo Anual: O Futuro É Agora!



Passei.com.br | Portal da Programação | Biografias

FACEBOOK


PUBLICIDADE




encyclopedia