BUSCA

Links Patrocinados



Buscar por Autor
   A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z


A Catedral
(Alphonsus Guimaraens)

Publicidade
ANÁLISE DO POEMA- A CATEDRAL
Alphonsus de Guimaraens

Entre brumas, ao longe, surge a aurora,
O hialino orvalho aos poucos se evapora,
Agoniza o arrebol.

A catedral ebúrnea do meu sonho
Aparece, na paz do céu risonho,
Toda branca de sol.

E o sino canta em lúgubres responsos:
Pobre Alphonsus! Pobre Alphonsus!

O astro glorioso segue a eterna estrada.
Uma áurea seta lhe cintila em cada
Refulgente raio de luz.

A catedral ebúrnea do meu sonho,
Onde os meus olhos tão cansados ponho,
Recebe a benção de Jesus

E o sino clama em lúgubres responsos:
Pobre Alphonsus! Pobre Alphonsus!

Por entre lírios lilases desce
A tarde esquiva: amargurada prece
Põe-se a lua a rezar.
O entardecer aumenta a agonia do poeta.

A catedral ebúrnea do meu sonho
Aparece na paz do céu tristonho,
Toda branca de luar.
E o sino chora em lúgubres responsos:
Pobre Alphonsus! Pobre Alphonsus!

O céu é todo trevas: o vento uiva.
Do relâmpago a cabeleira ruiva
Vem açoitar o rosto meu.

E a catedral ebúrnea do meu sonho
Afunda-se no caos do céu medonho
Como um astro que já morreu.
E o sino geme em lúgubres responsos:
Pobre Alphonsus!Pobre Alphonsus!

O poema A Catedral é a passagem de um dia completo: aurora, dia, anoitecer e noite fechada, onde o poeta descreve seus estados de alma, usando a musicalidade através das ações do sino que expressam seus sentimentos e sua ânsia de espiritualidade. Ao longo do poema o refrão, insistentemente marcado pelas ações do sino, traduzem a angústia íntima do poeta à medida que o dia passa. Estão presentes no poema várias características simbolistas tais como: a musicalidade, o vago, o nebuloso, a espiritualidade simbolicamente representada pela catedral. A referência à cor branca e outras cores que denotam os momentos do dia descritos sem nitidez.



Resumos Relacionados


- Hão De Chorar Por Ela Os Cinamomos... (alphonsus De GuimarÃes)

- Afonso Henrique Da Costa Guimarães

- Vida E Obra De Carlos Drummond

- Alphonsus De Guimaraens - Vida E Obra

- "Ó Sino Da Minha Aldeia"



Passei.com.br | Portal da Programação | Biografias

FACEBOOK


PUBLICIDADE




encyclopedia