BUSCA

Links Patrocinados



Buscar por Autor
   A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z


Ufologia
(Rui Arts)

Publicidade
Ufo: mito ou realidade ? Lucidez ou loucura 


SIM, OS NOSSOS DEUSES ERAM ASTRONAUTAS. E OS DELES?
SIM, ELES SEMEARAM NOSSAS VIDAS. E QUEM, AS DELES?
SIM, ELES DIRIGIRAM NOSSA EVOLUÇÃO. E QUEM, A DELES?

Em Ufologia é assim. A cada suposta afirmação gera-se uma infinidade de perguntas. Isto não é demérito. Pelo contrário, é o QUE a torna tão estimulante. Estivemos recentemente no Congresso de Varginha-MG. Pudemos conhecer a cúpula da Inteligentzia Ufológica de nosso país. Pessoas sérias, competentes e extremamente dedicadas a esse imenso trabalho de divulgação e ensino da Ufologia.
Ficou claro, para nós, que o movimento ufológico brasileiro necessita urgentemente marcar um divisor de águas entre a Ufologia Científica, ou Investigativa, e a Ufologia Holística (ou Esotérica, ou Espiritualista, ou Místico-Transcendental, etc.). Faz-se urgente um tratamento Epistemológico às lides ufológicas. Há de ficar transparente o que pretende ser Filosofia, Ciência ou Teologia.
Teríamos que dispensar os depoimentos ingênuos acerca de avistamentos. Este capítulo já deve estar subentendido e encerrado. Quem ainda hoje tiver alguma dúvida sobre a existência de nossos visitantes longínquos é, simplesmente, porque não está informado dos fatos inequívocos. Isto é matéria para uma espécie de Mobral aos analfabetos para estes sinais.
Mas, é exatamente aí que surge a miscelânea de mensagens que passamos aos interessados e curiosos. É fruto desta falta de critérios científicos que faz com que nos vejam como malucos, ou como ingênuos, ou, ainda, como estelionatários oportunistas.
Devíamos abolir depoimentos sem testemunhos confiáveis, isto é, de pessoas mentalmente sadias. O subjetivismo vem empanando a verdade, que SE esconde por trás da dúvida que gera. O aspecto teológico surge exatamente aí. Quando alguém nos diz, ou escreve livros, sobre seus contatos, suas viagens pelas galáxias, que conhece intimamente os seres de lá, e de seus familiares também, e mais não sei o quê, caímos no campo da Fé Revelada. Não há o que discutir, ou refutar. A Ufologia fica, assim, transformada em Religião. Cada depoente vira um Enviado e candidato a ser líder de uma nova corrente de adeptos desesperançosos.
Ora, nossa Civilização não comporta mais indivíduos que se dizem ter um DDD com nossos parceiros de Universo. Basta ligar o "canal" (?!). Ou deixar o "canal" aberto para, a qualquer momento, atender os chamados de longe. Esta é a característica da, assim chamada, Cultura de Massa (não há nenhum toque depreciativo nesta expressão, a qual se tornou técnica em Sociologia). Nesta Cultura, a informação pula de cérebro para cérebro sem o crivo da crítica, da experimentação, da Ciência, enfim. Ela é recebida como uma verdade inconteste. É a Cultura Pré-Científica, do Pré-julgamento, do Pré-conceito, e aí vai. Quando nossos avós nos diziam, não coma leite com manga, ou não aponte o dedo para uma estrela, estávamos sendo contaminados por este entulho cultural que não procede.



Resumos Relacionados


- Ufologia Parte 2

- Ciência Ou ParaciÊncia?

- Ufologia - Cientifica Ou Cientificista?

- Os Ovnis No Planeta Terra

- Diario Do Nordeste - Dezembro De 1984



Passei.com.br | Portal da Programação | Biografias

FACEBOOK


PUBLICIDADE




encyclopedia