BUSCA

Links Patrocinados



Buscar por Autor
   A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z


Feliz Ano Velho
(Marcelo Rubens Paiva)

Publicidade
FELIZ ANO VELHO


Marcelo e alguns amigos foram aproveitar o calor, o sol, em uma cachoeira.Grita alegre que iria procurar um tesouro e pula estilo Tio Patinhas quando pula na sua piscina de moedas.Local raso e ele bate a cabeça no fundo ficando por algum tempo ouvindo um zumbido, sem nada entender.Não consegue mexer braços e pernas, tem consciência que pode morrer afogado e procurar evitar respirar para boiar.Sua mente trabalha rápido e pensa em vários coisas até filmes que assistiu, em total pressa de encontrar uma solução, brinca inclusive com a possibilidade da morte.Quase desistindo sente o ar, alguém o tirou da água, colocam em pé mas ele não fica, muito sangue sai de sua cabeça e vendo o quanto era sério os amigos o levam para um hospital.Momentos de intenso desespero, para ele e todos que estavam ao seu lado inclusive o corpo médico.Daí em diante Marcelo passa por momentos intensos de reflexão, revive como em uma tela de cinema o filme de sua vida. Detalhes antes irrelevantes tomam uma grande dimensão.Dia após dia aguardando uma melhora e o entendimento de sua situação real, as horas que não passam, o conversar com uma rachadura na parede pois era só o que via por muito tempo pois não podia ser virado.Uma completa dependência , uma infeliz coceira que precisa contar com o carinho da enfermagem.Um dia uma feliz notícia, ele já pode sair do CTI e no quarto recebe visitas de amigos, irmãos e sua mãe, mulher forte que está ao seu lado desde o dia do acidente.Uma ponta de felicidade em tanta amargura.Continua a reflexão de sua vida, o repensar dos sonhos, a mudança das certezas para o ano que em breve se inicia.O Natal está perto, seus amigos não faltam , o ano novo chega, e para ele é difícil encarar a grande verdade, a possibilidade de nunca mais andar.Tão novo, tanta esperança, tanta vontade de viver e agora....por uma brincadeira uma tragédia.Conhecia os turnos, a disposição, o modo de estar de cada enfermeiro (a), seus grandes amigos.Tem pela frente dias de intensos exercícios e tratamentos, mesmo em uma cadeira de rodas é preciso os exercícios.E sua mente, essa não está paralisada, e chorando o passado é preciso definir seu futuro.Tanto tempo no ambiente hospitalar, tantas histórias, tanta dor e tanta alegria passaram pela sua frente.Nada resta fazer , apenas desejar a si mesmo um FELIZ ANO VELHO pois não terá um novo.Após um ano, muitas mudanças, as pernas agora são redondas, muitos e maravilhosos amigos, antigos amigos, família, mais magro, com barba, não sabe se estaria melhor morto, não quer pensar, e tem muita insônia.Nestas insônias, sempre uma lembrança : O grito da busca do tesouro, o salto Patinhas, o Zumbidooooooooooooooo.



Resumos Relacionados


- Hitch - O Conselheiro Amoroso

- Feliz Ano Velho

- Ao Pé Da Árvore De Natal

- Falando Em Oculto

- Orkuticídio



Passei.com.br | Portal da Programação | Biografias

FACEBOOK


PUBLICIDADE




encyclopedia