BUSCA

Links Patrocinados



Buscar por Autor
   A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z


Cada Homem É Uma Raça
(Mia Couto)

Publicidade
Mia Couto - Cada Homem é uma Raça - Ed. Caminho

É comum de Mia Couto, nascido em Moçambique, ouvirmos histórias de gente simples, com histórias normais, mas com um olhar poético e com uma linguagem mais nova, subversiva e cativante. Esta «estórias» estão repletas de viúvas, príncipes e princesas, bêbados, cegos, barbeiros, vadios e mendigos, meninas loucas, seres marginais às alamedas da sorte falam, às vezes, com os mortos, com as pedras, consigo próprios (quando não há ninguém para escutá-los).Mia Couto senta-se ao lado deles e ouve aqueles segredos sem perder o sorriso e, sem se dar conta, transforma-se num deles, falando como eles...



Resumos Relacionados


- MÁrio Couto Critica Tratamento Dado Aos Aposentados

- Canal De Mocambique

- Canal De Mocambique

- O último Vôo Do Flamingo

- Pura Anarquia



Passei.com.br | Portal da Programação | Biografias

FACEBOOK


PUBLICIDADE




encyclopedia