BUSCA

Links Patrocinados



Buscar por Autor
   A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z


P.Z.L. P-7
(E.R. Hickel)

Publicidade
Caça monoposto P-7a de 1932. Fabricado pela Panstwowe Zaklady Lotnicze (PZL) o P.7 era um caça monoplano de asa alta, de linhas aerodinâmicas simples e construção toda metálica. A dobra "gaivota" característica nas asas foi adotada para reduzir o arrasto, pois eliminava a necessidade de estruturas pesadas de suporte entre a seção central das asas e a fuselagem. Foi o primeiro caça inteiramente metálico a ser usado por uma força aérea, e o desenho alcançou alta reputação no início dos anos trinta. Contudo, já era um modelo muito obsoleto no início da guerra, sendo mais lento que a maior parte dos aviões alemães em serviço. Mesmo com a sua substituição por aviões mais modernos iniciada já em 1935, ainda havia 106 aviões em serviço em setembro de 1939, sendo 30 em unidades de combate. Estes, devido a grande maneabilidade do caça, conseguiram abater 7 aviões inimigos. O modelo P-7a tinha um motor BJ VII.F com 560HP de potência. A envergadura era de 10,30m e o comprimento de 7,15m. Suportava peso máximo de decolagem de 1.410Kg; atingia a velocidade máxima de 327Km/h, com alcance de 600Km e teto de 8.275m. A aeronave estava armada com duas metralhadoras de 7,69mm (calibre .30).



Resumos Relacionados


- Boulton Paul Defiant

- P.z.l. P-45

- Saab J 21

- P.z.l. P-62

- Ikarus Ik-2



Passei.com.br | Portal da Programação | Biografias

FACEBOOK


PUBLICIDADE




encyclopedia